PESQUISE NA WEB

Mostrando postagens com marcador Lages. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Lages. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Lages 02 - SC - Brasil




Lages 01 - SC - Brasil





Lages é um município do estado de Santa Catarina, na região sul do Brasil. Possui 158.846 habitantes, conforme estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de agosto de 2014, e faz parte da mesorregião (política) e região (geográfica) serrana do estado. - sede da Região Metropolitana de Lages. A economia lageana é basicamente sustentada pela pecuária, agricultura (com destaque para a vinicultura), indústria madeireira (com destaque na produção de papel e celulose) e turismo rural. A economia de Lages sofreu um forte declínio com a redução sistemática da pujança do ciclo da madeira, que teve seu auge até a década de 1950. O município, outrora o maior e mais rico do Estado, teve sua fatia do produto interno bruto estadual bastante reduzida. Novos projetos industriais, desenvolvimento regional sustentável e investimentos no município têm contribuido para que a arrecadação volte a crescer. O parque industrial de Lages consiste, em grande parte, de empreendimentos ligados à cadeia produtiva da madeira, como madeireiras, fábricas de grampos, fábricas de portas, soleiras, batentes e congêneres. Todavia, empresas ligadas ao setor metal-mecânico têm papel importante na geração de emprego e renda do município. Em Lages, existem empresas que são sede de multinacionais no ramo de peças de tratores e outros veículos terrestres. Ademais, algumas grandes indústrias têm filiais no município, tais como uma grande cervejaria (Brahma/AmBev), uma exportadora de alimentos à base de frango (Vossko) e empresas de papel e celulose (Klabin). Empresas do ramo têxtil começaram recentemente a instalar-se na cidade, por falta de mão de obra no litoral e Vale do Itajaí. Confecções de ramos variados como cortinas, lingeries e uniformes já se instalaram. Em abril de 2012, foi anunciada a instalação na cidade de uma montadora de caminhões chinesa, a Sinotruk, do grupo CNHTC, considerada a segunda maior montadora de caminhões do mundo. O empreendimento, que será o único do gênero no estado, gerará centenas de empregos, além de impactar fortemente a economia da cidade. A Sinotruk fará parte do PISC (Parque da Inovação da Serra Catarinense), um grande parque industrial localizado no distrito de Índios, que será implantado em breve. Dentro dele, também haverá outras dezenas de empresas, que juntas formarão um dos maiores parques industriais e tecnológicos do estado. Lages também é um centro regional de comércio. A população de muitos municípios vizinhos encontra um ambiente propício para compras e negócios na cidade. O comércio de Lages, assim como o turismo indiretamente, está sendo alavancado por um grande projeto do setor para a cidade: o Centro Lages - Compras e Lazer, que encontra-se em processo de implantação gradual e prevê uma completa revitalização da região central da cidade, com padronização de fachadas e humanização dos espaços públicos e calçadas, dando prioridade ao pedestre; além da implantação de fiação subterrânea, deixando um aspecto limpo e moderno na região. Na cidade estão instalados alguns nomes de grandes redes de supermercados e hipermercados, como o Angeloni e o Big; redes internacionais de fast-food, como Bob's e Subway; e por fim o Lages Garden Shopping, inaugurado em novembro de 2014, e que reúne algumas das principais marcas do país, como Riachuelo, Renner, Lojas Americanas, além de várias outras opções de compras, alimentação e lazer. Além do centro da cidade, também existe fortíssima concentração de comércio no bairro Coral, tanto que tal bairro é considerado um "bairro-cidade", devido à esta grande concentração de comércio e serviços. Existem ainda polos de comércio em alguns bairros periféricos da cidade, como Guarujá, Santa Helena, Penha e Santa Catarina. No inverno, o comércio é bastante fortalecido com o turismo rural e com a Festa Nacional do Pinhão, o segundo maior evento gastronômico e cultural de Santa Catarina (ficando atrás apenas da Oktoberfest de Blumenau). O Turismo Rural em Lages nasceu no ano de 1984, na Fazenda Pedras Brancas, pioneira do turismo rural do Brasil. Fazendas centenárias da região, começaram a adaptar-se para receber visitantes e turistas que queriam conhecer a "lida de campo", a vida simples do homem serrano, com ordenhas, plantações, gastronomia etc. Hoje, o Turismo Rural é conhecido nacionalmente e cada vez mais procurado por pessoas que vivem no agito da cidade e refugiam-se para passar dias agradáveis junto a natureza. Lages também é conhecida como Capital Nacional do Turismo Rural.