PESQUISE NA WEB

Mostrando postagens com marcador SC. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador SC. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Lages 02 - SC - Brasil




Lages 01 - SC - Brasil





Lages é um município do estado de Santa Catarina, na região sul do Brasil. Possui 158.846 habitantes, conforme estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de agosto de 2014, e faz parte da mesorregião (política) e região (geográfica) serrana do estado. - sede da Região Metropolitana de Lages. A economia lageana é basicamente sustentada pela pecuária, agricultura (com destaque para a vinicultura), indústria madeireira (com destaque na produção de papel e celulose) e turismo rural. A economia de Lages sofreu um forte declínio com a redução sistemática da pujança do ciclo da madeira, que teve seu auge até a década de 1950. O município, outrora o maior e mais rico do Estado, teve sua fatia do produto interno bruto estadual bastante reduzida. Novos projetos industriais, desenvolvimento regional sustentável e investimentos no município têm contribuido para que a arrecadação volte a crescer. O parque industrial de Lages consiste, em grande parte, de empreendimentos ligados à cadeia produtiva da madeira, como madeireiras, fábricas de grampos, fábricas de portas, soleiras, batentes e congêneres. Todavia, empresas ligadas ao setor metal-mecânico têm papel importante na geração de emprego e renda do município. Em Lages, existem empresas que são sede de multinacionais no ramo de peças de tratores e outros veículos terrestres. Ademais, algumas grandes indústrias têm filiais no município, tais como uma grande cervejaria (Brahma/AmBev), uma exportadora de alimentos à base de frango (Vossko) e empresas de papel e celulose (Klabin). Empresas do ramo têxtil começaram recentemente a instalar-se na cidade, por falta de mão de obra no litoral e Vale do Itajaí. Confecções de ramos variados como cortinas, lingeries e uniformes já se instalaram. Em abril de 2012, foi anunciada a instalação na cidade de uma montadora de caminhões chinesa, a Sinotruk, do grupo CNHTC, considerada a segunda maior montadora de caminhões do mundo. O empreendimento, que será o único do gênero no estado, gerará centenas de empregos, além de impactar fortemente a economia da cidade. A Sinotruk fará parte do PISC (Parque da Inovação da Serra Catarinense), um grande parque industrial localizado no distrito de Índios, que será implantado em breve. Dentro dele, também haverá outras dezenas de empresas, que juntas formarão um dos maiores parques industriais e tecnológicos do estado. Lages também é um centro regional de comércio. A população de muitos municípios vizinhos encontra um ambiente propício para compras e negócios na cidade. O comércio de Lages, assim como o turismo indiretamente, está sendo alavancado por um grande projeto do setor para a cidade: o Centro Lages - Compras e Lazer, que encontra-se em processo de implantação gradual e prevê uma completa revitalização da região central da cidade, com padronização de fachadas e humanização dos espaços públicos e calçadas, dando prioridade ao pedestre; além da implantação de fiação subterrânea, deixando um aspecto limpo e moderno na região. Na cidade estão instalados alguns nomes de grandes redes de supermercados e hipermercados, como o Angeloni e o Big; redes internacionais de fast-food, como Bob's e Subway; e por fim o Lages Garden Shopping, inaugurado em novembro de 2014, e que reúne algumas das principais marcas do país, como Riachuelo, Renner, Lojas Americanas, além de várias outras opções de compras, alimentação e lazer. Além do centro da cidade, também existe fortíssima concentração de comércio no bairro Coral, tanto que tal bairro é considerado um "bairro-cidade", devido à esta grande concentração de comércio e serviços. Existem ainda polos de comércio em alguns bairros periféricos da cidade, como Guarujá, Santa Helena, Penha e Santa Catarina. No inverno, o comércio é bastante fortalecido com o turismo rural e com a Festa Nacional do Pinhão, o segundo maior evento gastronômico e cultural de Santa Catarina (ficando atrás apenas da Oktoberfest de Blumenau). O Turismo Rural em Lages nasceu no ano de 1984, na Fazenda Pedras Brancas, pioneira do turismo rural do Brasil. Fazendas centenárias da região, começaram a adaptar-se para receber visitantes e turistas que queriam conhecer a "lida de campo", a vida simples do homem serrano, com ordenhas, plantações, gastronomia etc. Hoje, o Turismo Rural é conhecido nacionalmente e cada vez mais procurado por pessoas que vivem no agito da cidade e refugiam-se para passar dias agradáveis junto a natureza. Lages também é conhecida como Capital Nacional do Turismo Rural.

Urubici 02 - SC - Brasil




Urubici 01 - SC - Brasil





Urubici é um município do estado de Santa Catarina, no Brasil. Sua população estimada em 2010 era de 10.702 habitantes. Possui uma área de 1019,1 km². No cume do Morro da Igreja (1.822 metros), o ponto mais alto habitado do sul do Brasil, localizado no município, foi registrada, extra-oficialmente, a temperatura mais baixa do país: −17,8°C, em 29 de junho de 1996. Urubici também é conhecida pelas suas diversas belezas naturais, estando incluída no Caminho das Neves. Localizada no fértil Vale do Rio Canoas, Urubici, a Terra das Hortaliças, é o maior produtor de hortifrutigranjeiros de Santa Catarina. Também se destaca pelo cultivo de maçã, especialmente com a variedade gala, considerada a melhor de toda a região serrana. Outro aspecto importante é o cultivo de erva-mate, produto básico do tradicional chimarrão, e apreciado nos países do Mercosul. Com paisagens muitas vezes comparada à Europa, Urubici está situada no ponto mais elevado de Santa Catarina. Inúmeras as cascatas revelam o respeito que a população local tem por sua terra, percebido pela preservação desses locais de grande beleza. Um exemplo é a Cascata do Avencal, com água despencando em queda-livre a mais de 100 metros de altura. Outro local de destaque é o Morro da Igreja, com 1.822 metros de altitude, que permite enxergar todo o Litoral Sul Catarinense. Nesse morro, chama a atenção a Pedra Furada, uma verdadeira escultura natural em forma de janela, ligando formações rochosas a exuberantes e preservadas matas nativas. Outros atrativos turísticos são as inscrições rupestres dos tempos das cavernas, na Serra do Corvo Branco, a Gruta Nossa Senhora de Lourdes e a Igreja Matriz Nossa Senhora Mãe dos Homens.

Blumenau 02 - SC - Brasil




Blumenau 01 - SC - Brasil





Blumenau é um município brasileiro do estado de Santa Catarina, Região Sul do país. Localiza-se na microrregião homônima e na Mesorregião do Vale do Itajaí. É a cidade-sede da região metropolitana do Vale do Itajaí. É a terceira cidade mais populosa do estado, a 11ª da Região Sul do Brasil e única cidade média-grande de Santa Catarina, constituindo um de seus principais polos industriais, tecnológicos e universitários. Foi fundada pelo filósofo e farmacêutico alemão Hermann Bruno Otto Blumenau, que chegou em um barco via Rio Itajaí-Açu acompanhado de outros dezessete colonos compatriotas. Este desembarcou à foz do Ribeirão Garcia em 2 de setembro de 1850 e dividiu o território em lotes para que os colonos pudessem edificar suas moradias, majoritariamente casas feitas com a técnica construtiva enxaimel. O intervalo ocupado entre as fozes dos ribeirões Velha e Garcia definiu o atual centro da cidade. A cidade possui uma agenda cultural focada nas festas baseadas no cotidiano e hábitos dos imigrantes europeus, destacando-se a colonização alemã, com a Oktoberfest, a segunda maior festa sobre cerveja do mundo, que, em 2012, acontece entre os dias 10 e 28 de outubro, e o stammtisch, tradicional reunião de associações na Rua 15 de Novembro. O núcleo italiano da população realiza a Festitália, além de ainda ocorrerem reuniões do Centro de Tradições Gaúchas e diversas outras manifestações das culturas europeia e brasileira. Apesar de ser minoritário, o turismo comercial acha seu nicho na Texfair, feira têxtil reconhecida mundialmente. Blumenau tem destaque nacional em diversos setores da economia, sobressaindo-se informática e particularmente indústria têxtil — com empresas de porte nacional e internacional, como a Companhia Hering, a 16º maior do estado, e a maior produtora de etiquetas do mundo, Haco. Nota-se também a relevância regional do setor de serviços e comércio; nomeadamente saúde e educação, com seus cinco hospitais e a universidade de Blumenau, além de abrigar três shopping centers. Blumenau conta com um dos maiores índices de desenvolvimento humano do Brasil e uma cobertura vegetal crescente, sediando o Parque das Nascentes, maior parque natural municipal do país, e o Parque Nacional da Serra do Itajaí.