PESQUISE NA WEB

Mostrando postagens com marcador Verona. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Verona. Mostrar todas as postagens

domingo, 16 de novembro de 2008

Verona 06 - Itália




Verona 05 - Itália




Verona 04 - Itália




Verona 03 - Itália




Verona 02 - Itália




Verona 01 - Itália





Verona é uma cidade italiana da região do Vêneto, com cerca de 256.110 habitantes. Estende-se por uma área de 206,63 km², tendo uma densidade populacional de 1.182 hab/km². Faz fronteira com Bussolengo, Buttapietra, Castel d'Azzano, Grezzana, Mezzane di Sotto, Negrar, Pescantina, Roverè Veronese, San Giovanni Lupatoto, San Martino Buon Albergo, San Mauro di Saline, San Pietro in Cariano, Sommacampagna, Sona, Tregnago, Villafranca di Verona. É banhada pelo rio Adige e está há uns 30 quilômetros do Lago de Garda. Em Verona e na sua região metropolitana se encontram inúmeros distritos produtivos, a evidenciar a multisetorialidade que diferencia a economia da província e da cidade de Verona, a qual se divide igualmente entre indústria, comércio, artesanato, serviços, agricultura (em modo particular na província) e turismo. A economia do território veronês é constituída sobretudo de pequenas e médias empresas (não faltando, contudo, grandes empresas), para as quais tem um papel importantíssimo o interporto di Verona na triagem do comércio internacional. O setor vitivinícola é considerado o mais importante do sector agro-alimentar de Verona, basta ver que, a nível provincial, bem 40,5% das empresas agrícolas é dedicado ao cultivo de uvas para vinificação. As vinhas de Verona são altamente especializadas para a produção de vinhos de qualidade, tanta que Verona tem dez vinhos DOC e três DOCG, bem diferenciados entre eles graças à utilização de vinhas nativas. O valor da produção da cidade de Verona, em comparação com o provincial é de aproximadamente 15%. O setor dos frutos e vegetais é uma realidade importante, envolvendo um grande número de empresas do setor primário (em especial na província) e muitas empresas dedicadas ao processamento, preservação e a comercialização de produtos (especialmente na cidade). A força deste setor deve-se especificamente a organização (produtores, processadores, comércio e mercados) e a infra-estruturas. Grande fama possui a produção artesanal de moveis clássicos na região ao sul da província de Verona, cuja atividade produtiva é caracterizada pela presença de micros e pequenas empresas muito diferenciadas entre si mesmas, recorrendo a sub-fornecedores especializados para as diversa fases produtivas. Essa técnica artesanal junto com a capacidade artistica criam uma forte vantagem sobre a concorrência veneta e italiana. Em torno de 5% dessas empresas, mais precisamente aquelas que precisam de mão-de-obra não-qualificada, obtendo vantagem da presença de infraestrutura se aproximaram do centro da cidade, deslocando-se do sul da província. A extração de mármore em Verona tem origens muito antigas, como demonstrado pela cidade romana no seu interior, realizando monumentos em mármore de Verona vermelho e mármore Rosa del Garda. Este distrito produtivo esta dividido entre a Valpantena, Lessinia e uma parte menor na cidade de Verona (10% sobre o valor da produção). O distrito industrial de Verona representa o principal pólo italiano para trabalhar o granito e mármore e é ainda mais importante no que diz respeito à produção de aglomerados, com 80% da produção mundial de todo o mundo. O processamento do mármore nesta região tem uma longa tradição e a difusão, gerando importantes habilidades e conhecimentos, dando origem, então, a uma elevada qualidade dos produtos, mesmo se, no início do século XXI foi sentida a forte concorrência com novas realidades, em especial China, Índia, Brasil e a Turquia. O setor agro-alimentar em Verona representa um ramo econômico muito importante e envolve muitas empresas agrícolas, empresas de artesanato e indústrias de alimentos, que envolve a produção, processamento, transformação, comercialização e distribuição alimentar, além da formação de todos os intervenientes do sector e a pesquisa. Particularmente forte é a exportação de carne e produtos à base de carne e conservas de frutas e legumes, produtos lácteos e sorvetes. Entre as indústrias de alimentos e produtos de confeitaria mais conhecidas temos a Rana, AIA e três empresas que devem sua sorte principalmente a um doce típico de Verona, ou seja, o pandoro, que são a Bauli, Paluani e Melegatti.